quarta-feira, 21 de outubro de 2015

Ibitiara- oposição continua crescendo

“Vimos da melhor maneira possível o prefeito que poderia  disputar a reeleição com uma desaprovação dessa” Essa e a fala da oposição de Ibitiara em relação a uma possível candidatura do atual  chefe do executivo ibitiarense.
De fato, o prefeito não pode reclamar, mesmo que vem a cada dia perdendo correligionários, é como diz o ditado, “quem não dá assistência perde a preferencia.  Segundo comenta-se por todo o município, o prefeito tem uma reprovação de governo  muito grande, enquanto a avaliação da gestão do ex-prefeito Hélio Menezes  vem crescendo incontestavelmente. A avaliação é ainda maior quando comparada diretamente  uma com a outra. São muitos os insatisfeitos. Observa-se nas fotos lideranças como : Lopinho, Bezeca  e  Wilson, entre outros que foram cabos eleitorais do Prefeito e hoje fazem campanha declaradamente contra a atual gestão. Fora isso,  muitos outros que preferem não aparecer  em  fotos e se manter no anonimato, afirmam “ na hora certa vamos dar o troço”,  disse um insatisfeito . Esse quadro já era esperado, de certa forma, “Beto não é flor que se cheira” afirma outro.
O interessante é ver que o prefeito,  que tem uma aceitação muito negativa  ter deixado muito insatisfeitas as pessoas mais  próximas e ligadas a seu grupo politico, como o caso do vereador petista, que foi um de seus braços mais forte na última campanha eleitoral, devido a atribuição de falha e falta de apoio  do governo  petista municipal.
Por quê? Um empresário ibitiarense dá sua explicação. Segundo ele, a impopularidade do prefeito vem favorecendo o crescimento da oposição. “Acho que o ibitiarense  não vê  a figura do prefeito Beto com bons olhos. Fala-se muito mais do nome do ex-prefeito Hélio Menezes, devido às boas gestões de seu governo, do que de qualquer outro nome do grupo adversário.  E com isso, o atual prefeito ao invés de procurar se reforçar  tem se tornado ainda mais inativo no município, administrando apenas para um grupo”, explica.
Para piorar ainda mais a situação, o prefeito tem procurado beneficiar família e amigos, por ultimo através do pregão Presencial nº 32/2015 contratou pelo valor de R$ 42.000,00 a locação de um imóvel pertencente a seu irmão, conforme contrato 1255/2015, assinado em 20 de agosto.
O presidente da casa legislativa, vereador Sivaldo Amorim, avalia situação como uma realidade definida, devido ao período vivido pelo prefeito desde o início de seu mandato e também o desagaste natural da má gestão  sofrida pela base, faz o crescimento da oposição.

Nenhum comentário:

Postar um comentário